Chega de Sofrer! Acabe com as dores nos pés com nosso tratamento personalizado e recupere sua qualidade de vida!

Se você sofre com dores nos pés, tornozelos, joelhos ou mesmo na coluna vertebral, nossas palmilhas ortopédicas personalizadas são a solução que você precisa.

Tipos de Pés

Existem diferentes tipos de pés: o pé neutro, o pé cavo e o pé chato. Cada um deles tem uma estrutura de arco plantar única, o que pode tornar o pé mais suscetível a lesões, dependendo do tipo.

Clique nas imagens para saber mais

pé neutro

Conheça as Alterações de Pisada

Se você sofre com dores nos pés, tornozelos, joelhos, quadris ou coluna, pode ser devido a alterações no alinhamento da sua pisada. É importante entender que o movimento ideal durante a pisada é chamado de pisada neutra, quando o pé tem uma leve inclinação para dentro. Por outro lado, a pronação ocorre quando há uma inclinação excessiva para dentro, e a supinação acontece quando há uma inclinação excessiva para fora.

pisada neutra

Pisada Neutra
(ideal)

pisada pronada

Pisada Pronada
(para dentro)

pisada supinada

Pisada Supinada
(para fora)

Anos de Experiência
+ 0
Pacientes Atendididos
+ 0
de Satisfação
0 %

As Palmilhas Ortopédicas são indicadas para...

O que é Baropodometria Computadorizada?

( Teste da pisada )

A baropodometria desempenha um papel fundamental na compreensão da biomecânica dos pés e na identificação de desordens posturais, contribuindo significativamente para a prevenção, diagnóstico e tratamento de diversas condições ortopédicas e de marcha.

A baropodometria tem como objetivos:

Análise da Distribuição de Pressão

Compreender como o peso do corpo é distribuído pelos pés durante diferentes atividades, como caminhar, correr ou permanecer em pé, permitindo a identificação de desequilíbrios e anomalias na pisada.

Detecção de Disfunções Biomecânicas

Identificar e avaliar alterações na biomecânica dos pés e membros inferiores, tais como pé plano, pé cavo, pronação excessiva, supinação, entre outros desvios que possam afetar a postura e causar desconforto.

Diagnóstico e Monitoramento de Condições Médicas

Contribuir para o diagnóstico precoce e monitoramento de condições ortopédicas, como fascite plantar, tendinites, joanetes, esporão calcâneo, lesões ligamentares e outras patologias relacionadas aos pés e à marcha.

Avaliação da Eficácia do Tratamento

Auxiliar na avaliação da eficácia de tratamentos ortopédicos, fisioterapêuticos ou de reabilitação, permitindo ajustes conforme necessário para melhorar a funcionalidade dos membros inferiores e a qualidade da marcha.

Prevenção de Lesões e Melhoria do Desempenho

Contribuir para a prevenção de lesões relacionadas à prática esportiva, fornecendo informações valiosas para atletas sobre a distribuição de pressão durante atividades específicas, visando melhorar o desempenho e reduzir o risco de lesões.

Personalização de Palmilhas e Calçados Ortopédicos

Oferecer dados precisos para a fabricação de palmilhas e calçados ortopédicos personalizados, adaptados às necessidades individuais de cada paciente, visando proporcionar conforto e correção adequada da pisada.

Principais dúvidas
sobre palmilhas ortopédicas

Palmilhas ortopédicas são dispositivos médicos personalizados que são colocados dentro dos sapatos para corrigir a postura dos pés, melhorar a distribuição do peso e aliviar a dor nos pés.
Elas proporcionam suporte adequado ao arco dos pés, amortecem o impacto ao caminhar e corrigem anomalias na pisada, distribuindo melhor o peso do corpo e aliviando pontos de pressão dolorosos.
Pessoas que sofrem de dores crônicas nos pés, problemas de alinhamento dos pés, atletas, idosos, e qualquer pessoa que passa longos períodos em pé pode se beneficiar do uso de palmilhas ortopédicas.
Muitas palmilhas ortopédicas são projetadas para se ajustar a diversos tipos de calçados, mas é importante consultar um especialista para obter uma recomendação específica para seu tipo de calçado e necessidade.
O alívio pode ser sentido imediatamente em alguns casos, mas geralmente é necessário um período de adaptação de algumas semanas para que o corpo se ajuste à nova postura proporcionada pelas palmilhas.

Principais dúvidas
sobre dor no pé e calcanhar

As causas podem incluir fascite plantar, esporão de calcâneo, artrite, pés chatos, entre outras condições que afetam a estrutura e função dos pés.
Elas corrigem a postura do pé, fornecem suporte ao arco, amortecem o impacto e distribuem o peso corporal de maneira mais uniforme, aliviando a dor.
A dor no calcanhar pode ser causada por fascite plantar, esporão de calcâneo, tendinite de Aquiles, entre outras condições inflamatórias.
Sim, usar palmilhas ortopédicas pode prevenir o desenvolvimento de problemas futuros, oferecendo suporte adequado e evitando o estresse excessivo nos pés.
É recomendável usar as palmilhas sempre que estiver calçado, especialmente durante atividades que envolvem ficar em pé ou caminhar por longos períodos, para obter o máximo benefício.

Principais dúvidas
sobre fascite plantar e esporão de calcâneo

A fascite plantar é uma inflamação do tecido fibroso (fáscia plantar) que percorre a sola do pé, causando dor intensa no calcanhar e na planta do pé.
As palmilhas ortopédicas fornecem suporte ao arco do pé, reduzindo a tensão na fáscia plantar, distribuindo melhor o peso e aliviando a dor e a inflamação.
Sim, elas são uma das opções de tratamento mais eficazes, mas a eficácia pode variar dependendo da gravidade do caso e da adaptação do paciente ao uso das palmilhas.
O uso contínuo das palmilhas é recomendado, especialmente durante atividades que envolvem ficar em pé ou caminhar. O tempo necessário para ver melhorias pode variar, mas muitas pessoas notam alívio significativo dentro de algumas semanas.

Palmilhas comuns podem oferecer algum alívio, mas as palmilhas ortopédicas personalizadas são especificamente moldadas para corrigir os problemas específicos dos seus pés, oferecendo um suporte muito mais eficaz.

Um esporão de calcâneo é um crescimento ósseo que se forma na base do calcanhar, muitas vezes associado à fascite plantar, causando dor ao caminhar.
Elas fornecem amortecimento adicional e suporte ao arco, reduzindo a pressão sobre o esporão e aliviando a dor.
As palmilhas podem aliviar significativamente a dor e a inflamação, mas a cura completa pode exigir uma combinação de tratamentos, incluindo fisioterapia e, em casos graves, intervenção médica.
Recomenda-se o uso contínuo para evitar a recorrência da dor, com muitos pacientes notando alívio dentro de algumas semanas de uso regular.
Sim, palmilhas ortopédicas são projetadas para conforto diário e são personalizadas para se ajustar perfeitamente aos seus pés, melhorando a qualidade de vida sem causar desconforto adicional.

Principais dúvidas
sobre pisada pronada e supinada

A pisada pronada ocorre quando o pé rola excessivamente para dentro ao caminhar ou correr, o que pode levar a dores e lesões nos pés e pernas.

A pisada supinada ocorre quando o pé rola para fora ao caminhar ou correr, também podendo causar dores e lesões devido à má distribuição do peso.

Para pisada pronada elas proporcionam suporte ao arco e estabilidade ao pé, corrigindo o alinhamento e reduzindo a rotação excessiva para dentro.

Para pisada supinada elas ajudam a distribuir o peso mais uniformemente e oferecem suporte adicional para evitar que o pé role para fora, melhorando o alinhamento geral.

A correção pode levar várias semanas a meses de uso contínuo das palmilhas, com melhorias notáveis na dor e no alinhamento dos pés.

Principais dúvidas
sobre baropodometria

A baropodometria é um método de avaliação funcional dos pés, amplamente conhecido como o “teste da pisada”. Trata-se de uma técnica avançada utilizada para analisar a distribuição de pressão e as forças que atuam na planta dos pés durante o ato de caminhar ou realizar outras atividades.

Este exame é fundamental na detecção de possíveis disfunções biomecânicas, proporcionando uma compreensão abrangente das condições dos pés e da postura. Além disso, é uma ferramenta valiosa para o diagnóstico e monitoramento de desequilíbrios posturais e lesões relacionadas aos membros inferiores.
Qualquer pessoa que apresente desconfortos nos pés, problemas posturais ou lesões relacionadas aos membros inferiores pode se beneficiar do exame de baropodometria. Este exame pode ser especialmente relevante para atletas, pessoas com condições ortopédicas conhecidas ou aqueles que desejam compreender melhor sua saúde postural.
O tempo de duração do exame varia, mas geralmente leva de 15 a 30 minutos, dependendo da abrangência das avaliações a serem realizadas.

Essa técnica é útil no diagnóstico e acompanhamento de condições como pé chato, pé cavo, desequilíbrios posturais, tendinites, entre outras condições ortopédicas.

O que meus pacientes estão dizendo

João Carlos Zanella
João Carlos Zanella
21/02/2024
Excelente profissional, atendimento personalizado e eficiente sem enrolação. Explica tudo nos mínimos detalhes. Estou tratando uma dor antiga na lombar, com uma seção e fazendo os exercícios recomendados estou me sentindo muito bem, praticamente 100% sem dores. Recomendo.
TEREZINHA PINHEIRO SILVA
TEREZINHA PINHEIRO SILVA
03/12/2023
Encontrei o Dr Jorge no Google, quando estava com dores pelo corpo e não podia controlar. Com a tendinite acabando comigo, já estava sem prazer para viver e ainda mais com muita dor nos meus pés. Na primeira sessão, consulta, minha tendinite começou a aliviar, e assim ate eu poder usar meus braços novamente. Mas o que mudou mesmo minha vida, foi quando ele mexeu nos meus pés, e descobriu que eu tenho fascitis plantar. Me indicou usar uma palmilha em 3D, e logo no primeiro dia em que usei, minha vida começou a mudar, acreditem me fez muito bem, estou caminhando como nos velhos tempos, na minha mocidade. Fui abençoada. Deus abençoe e ilumine sempre o Dr Jorge Gregory e todos seus familiares.
Bruno Veri
Bruno Veri
11/04/2023
Top.. conseguiu me encaixar, resolveu meu problema já na primeira sessão, me explicou o que aconteceu, me deu dicas de alongamento, não empurra várias sessões como muitos fazem. Tempo de consulta é bem maior que os outros.. obrigado.. volto outra vez.. estava difícil achar um profissional como o Jorge na região. Indico 100%
Janaina Roland Tancredo
Janaina Roland Tancredo
02/12/2022
Ótimo Profissional, super atencioso, educado e atendimento de excelência ! Super recomendo!
João Guilhermino
João Guilhermino
02/12/2022
Profissional excelente. Ajudou muito, tive resultado logo primeira sessão. Recomendo.
Alexandre Carvalho
Alexandre Carvalho
26/11/2022
Super recomendo !!!
ROSANE Carrer
ROSANE Carrer
25/10/2022
Profissional maravilhoso, muito humanizado, entendendo e respeitando a dor de cada paciente, explicando e tranquilizando nosso emocional que quando estamos com dor fica muito abalado, nota mil pra você doutor Jorge👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻🙏🏼🙏🏼

Quem irá te atender?

Olá, sou o Dr. Jorge Gregory, Fisioterapeuta, Osteopata e Quiropraxista.

Há mais de 19 anos, proporciono aos meus pacientes um tratamento de qualidade, atendimento de excelência e cuidado personalizado. Meu compromisso é com a sua saúde e bem-estar, e me sinto realizado em poder contribuir para a melhoria da qualidade de vida de cada um deles.

Meu objetivo como profissional de saúde é garantir que você recupere sua mobilidade, eliminando as dores e restaurando a função do seu corpo. Quero ajudá-lo a se manter em movimento e alcançar uma reabilitação eficaz, para que você possa viver a vida ao máximo!

CREFITO-85.137F

Te ajudo a viver sem dor e recuperar
sua qualidade de vida!

© 2024 Dr. Jorge Gregory – Todos os direitos reservados.
CREFITO-85.137F

FEITO POR KREAWEB DIGITAL

Pé Neutro

pé neutro

O pé neutro é considerado o tipo ideal, com um arco plantar moderado e equilibrado. Esse tipo de pé geralmente oferece uma distribuição uniforme do peso e uma boa absorção de impacto durante a caminhada ou corrida.

Pé Chato

pé chato
O pé chato é caracterizado por ter um arco plantar mais baixo ou quase ausente. Isso pode resultar em uma maior área de contato com o solo, o que pode sobrecarregar certas estruturas do pé e causar dor ou lesões, como fascite plantar ou tendinites.

Pé Cavo

pé cavo
O pé cavo possui um arco plantar mais acentuado, deixando uma menor área de contato com o solo. Isso pode levar a uma distribuição desigual do peso e aumentar o risco de lesões, como entorses ou fraturas de estresse.